quarta-feira, 15 de fevereiro de 2012

Tempo



  Quando somos crianças o tempo passa bem devagar. Quando eu era criança ficava pensando do que iria brincar o dia todo, o que eu iria fazer pra me divertir. O tempo passava bem devagar, tanto é que eu me lembro de muitas coisas da minha infância, por que vivi intensamente. Depois que nós crescemos vem às responsabilidades, e com isso passamos a correr contra o tempo, acordamos ás 8:00 hrs depois quando olhamos no relógio já é 22:00 hrs,e já é hora de ir dormir pra acorda no outro dia cedo e ter a mesma rotina. Fora isso, com o tempo vêm os problemas de gente “grande”, vêm às paixões complicadas e as paixões inesquecíveis, os corações quebrados, as decepções, as amizades falsas, as perdas, os choros, as risadas, os momentos que não vamos esquecer nunca e os momentos que preferimos nem lembrar. Mas como diz meu querido William Shakespeare: “Aprenda que não importa em quantos pedaços seu coração foi partido, o mundo não pára para que você o conserte. Aprende que o tempo não é algo que possa voltar. Portanto, plante seu jardim e decore sua alma, em vez de esperar que alguém lhe traga flores.”
O que eu quero dizer é que não podemos perder mais tempo para ser feliz. O que você esta esperando pra correr atrás do seu amor? Pra correr atrás dos seus sonhos? Pra correr atrás daquilo que te faz bem?Já temos tão pouco tempo para viver de verdade, não perca mais tempo. Como dizia minha sábia vó: “tempo é ouro” E é mesmo viu? Quem sabe você não esta perdendo o maior tesouro da sua vida.
  Reflita: “Só existem dois dias no ano que nada pode ser feito. Um se chama ontem e o outro se chama amanhã, portanto hoje é o dia certo para amar, acreditar, fazer e principalmente viver.” Dalai Lama

  Escrito por: Dayany Rodrigues


Nenhum comentário:

Postar um comentário